Você sabe o que significam as siglas "APA" e "PARNAMAR"?


APA significa Área de Proteção Ambiental e PARNAMAR, Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha. As duas siglas são extensões circunscritas a partir de uma geolocalização, ou seja, por meio de coordenadas geográficas que delimitam porções terrestres e marinhas do Arquipélago de Fernando de Noronha, sob a responsabilidade de cada sistema.  

A Área de Proteção Ambiental de Fernando de Noronha é a mesma do Atol das Rocas e do Arquipélago de São Pedro e São Paulo. Foi criada pelo Decreto no 92.755, de 05 de junho de 1986, abrangendo uma área de 79.706 ha. Por sua vez, o Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha, criado pelo Decreto nº 96.693, de 14 de setembro de 1988, ocupa 70% do Arquipélago de Fernando de Noronha. Todas as Ilhas e Ilhotas situadas ao redor da Ilha principal (saiba mais clicando aqui) são incluídas na área do Parque, bem como as seguintes praias: Sancho [a praia mais bonita do mundo], Baia dos Porcos, Atalaia, Baia dos Golfinhos, Sueste e Leão. Ou seja, para você visitá-las, fazer um passeio de barco ou mergulhar, é necessário entrar no espaço do parque. 

A informação é muito importante porque para visitar os locais mencionados do Parque, é necessário pagar uma taxa (confira o valor) única. Vale lembrar que tanto a APA quanto o PARNAMAR são fiscalizados pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio, órgão incumbido de definir as diretrizes para a proteção, preservação, monitoramento e gestão junto à Administração da Ilha - ADEFN. 

Outra informação relevante faz referência a empresa EcoNoronha, vencedora de um processo licitatório para a concessão de prestação de serviços de apoio à visitação pública e cobrança de ingressos no Parque Nacional de Noronha. Para efetuar o pagamento da taxa, procure os guichês da Eco na Praça Flamboyant ou na sede do Projeto Tamar. 

Você pode gostar também

0 comentários

Passeios, hospedagens e viagem!