PRAIAS

O mar de Noronha

Fernando de Noronha localiza-se no oceano Atlântico, ao leste do Brasil e está a uma distancia da costa nordestina de 545 km da capital pernambucana, Recife, e 360 km de Natal (RN), a cidade mais próxima geograficamente da Ilha. O Arquipélago é formado por 21 ilhas e ilhotas totalizando uma área de mais de 26 Km2, das quais 17 km2 formam a Ilha principal que é a habitada e aberta à visitação turística. As demais são restritas apenas para pesquisadores. Um dado interessante é que em 5 de outubro de 1988, o Arquipélago pertencia ao Território Federal e, a partir desta data, foi dissolvido e adicionado ao estado de Pernambuco. 

Além da ilha principal, Noronha tem mais duas ilhas. A primeira é a Ilha Rata, a segunda maior do Arquipélago. Ela antigamente foi casa para os antigos moradores responsáveis por um farol que existia na mesma, hoje não existe mais. Nela também ficam o Pontal da Macaxeira e a Ilha de Lucena, que se transforma em outra ilha em tempos de maré alta. 

Quem também faz parte do conjunto é a Ilha do Meio, situada entre a Ilha Rata e o rochedo Sela Gineta. Com uma base menor do que a parte de cima, talvez o resultado das muitas ondas, é uma ótima estrutura natural para a observação nos passeios da costa de Noronha. 

Completando as 21 ilhas e ilhotas, ainda temos: Ilha Rasa, Ilha de São José, Ilha do Cuscuz, Ilha do Lucena, Ilha do Chapéu do Nordeste, Ilha Cabeluda, Ilha do Chapéu do Sueste, Ilha dos Ovos, Ilha Trinta-Réis, Ilhota da Conceição ou do Morro de Fora, Rochedo Sela Gineta, Rochedo Dois Irmãos, Rochedo da Ilha do Frade, Rochedo do Morro do Leão, Rochedo do Morro da Viuvinha e Rochedo das Pedras Secas.

Para os pesquisadores, vale lembrar que o Atol das Rocas, uma ilha entre Natal e Fernando de Noronha - ainda que no Google Maps a coloque junto ao mapeamento de Noronha - foi adicionado ao estado do Rio Grande do Norte na mesma que Noronha passou a ser território do estado pernambucano. Portanto, não faz parte do Arquipélago. O Atol está próximo da costa potiguar 267 km e 148 km de Noronha. (Confira a postagem sobre o Atol).

Voltando a falar sobre Noronha

É importante lembrar que por se tratar de uma ilha oceânica, tem duas grandes costas, um voltado para o Brasil e outro para a África, consecutivamente, chamados de “mar de dentro” e “mar de fora”. Neste caso, o “dentro” é considerado pela direção da costa brasileira ainda que a inclinação da ilha não seja tão diametralmente paralela com o território nacional.

O mar de dentro é formado por 10 praias e duas baías com acesso. Por outro lado, é nesta área que está localizada a Baía dos Golfinhos, um ambiente restrito a visitação. Este mar é tranquilo durante a maioria dos meses do ano, o que significa dizer que a maioria dos passeis de barco durante todo o ano é possível contemplar toda a orla de Noronha durante os passeios no mar. Uma ótima dica cheia de animais e belezas naturais. Vale lembrar que é nesta área que encontramos os golfinhos. É deste lado que encontramos: Praia do Sancho, Baia dos Porcos, Porto, Biboca e Cacimba do Padre, dentre outras.

O mar de fora, localizado do outro lado da ilha (conforme a figura a seguir), é formado por 4 praias, uma enseada, duas áreas de observação e contemplação para os visitantes e um conjunto de piscinas naturais formadas pelas formações rochosas. Uma linda e prazerosa dica. É nesta área que se encontram as piscinas dos Abreus e a praia da Atalia, conhecidos como ícones da beleza da ilha e, por alguns, como um ambiente de águas medicinais. Se existisse a fonte da juventude, certamente ela estaria localizada na praia da Atalaia. Como o mar é voltado para a África, na maioria dos meses as ondulações são maiores que o mar de dentro, mas são amenizadas pela grande quantidade de arrecifes e formações rochosas. É neste lado que encontramos a famosa praia do Leão.

Confira agora as praias da ilha:

Mar de Dentro
·         Praia da Biboca
·         Praia do Cachorro, na Vila dos Remédios (no centro histórico da ilha)
·         Praia do Meio
·         Praia da Conceição ou de Italcable
·         Praia do Boldró, na Vila Boldró
·         Praia do Americano
·         Praia do Bode
·         Praia da Quixabinha
·         Praia da Cacimba do Padre
·         Baía dos Porcos
·         Baía do Sancho (baía de águas transparentes, cercada por falésias cobertas de vegetação)
·         Baía dos Golfinhos ou Enseada do Carreiro de Pedra
·         Ponta da Sapata

Mar de Fora
·         Praia do Leão
·         Ponta das Caracas
·         Baía Sueste
·         Praia de Atalaia
·         Enseada da Caeira
·         Buraco da Raquel
·         Ponta da Air France